Estamos chegando perto do dia em que completarão 50 anos do Golpe que levou a cabo uma Ditadura Civil Militar no Brasil. Muitas entidades, movimentos sociais e órgãos do governo planejaram para essa data eventos de rememoração e de análise dos acontecimentos ligados ao Golpe, à Ditadura e à Democracia. Divulgaremos algumas por aqui. Confira as programações e participe!

As mídias, as marcas, os arquivos: 50 anos do golpe de 1964

Na semana que marca os 50 anos do golpe civil-militar pelo qual passou o Brasil, a Faculdade de Biblioteconomia e Comunicação (FABICO) realiza evento entre os dias 1º e 4 de abril. As palestras recebem convidados locais, nacionais e internacionais em temáticas das áreas dos cursos da Faculdade: arquivologia, museologia, biblioteconomia e comunicação social. A entrada é gratuita.

Evento FABICO

Semana da Democracia – Democracia, que nunca mais desapareça.

O Memorial do Rio Grande do Sul e o Museu dos Direitos Humanos do Mercosul, promovem atividades entre os dias 01 e 05 de abril de 2014 nas suas sedes, localizadas na Praça da Alfândega, no centro de Porto Alegre.

Semana da Democracia - Parte 1

Fórum da Democracia

Organizado por várias entidades e movimentos sociais, desde o dia 14 de março, acontece o Fórum da Democracia – Descomemoração dos 50 anos do Golpe, que divulgou atividades até o dia 30 de abril desse ano. São atividades organizadas pelo Fórum e atividades organizadas por outras entidades e movimentos que estão também sendo divulgadas pelo Fórum. Elas ocorrerão em espaços múltiplos, tanto na cidade de Porto Alegre, quanto no interior do estado.


Fórum da Democracia RS - Parte 1 As descomemorações e as rememorações do Golpe e da Ditadura Civil Militar – 50 anos depois!!!

50 anos do Golpe de 64. Impactos, (des)caminhos, processos

O evento “50 anos do Golpe de 64. Impactos, (des)caminhos, processos” visa promover debates transdisciplinares sobre o golpe civil-militar perpetrado contra o estado democrático brasileiro, compreendendo relevantes aspectos do contexto histórico que levaram ao golpe, bem como seus impactos no Brasil e no cenário latino-americano, contribuindo para que a comunidade acadêmica e a sociedade em geral possam refletir sobre a construção sócio-histórica do país. Nessa perspectiva, torna-se relevante compreender que o golpe civil-militar de 1964 não foi levado a cabo apenas por forças militares. Para mais informações, clique aqui.

50 anos do Golpe UNISINOS

 

Anúncios